Home BACANA NEWS Mais quatro detentos são transferidos de Altamira para Belém

Mais quatro detentos são transferidos de Altamira para Belém

Mais quatro detentos são transferidos de Altamira para Belém

Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará

Por Agência Pará

Já chegaram a Belém os presos Robson da Silva Pereira, Samuel Pereira de Andrade, Cleone Cruz da Silva e Avilson Lopes de Abade Espíndola. Eles embarcaram no aeroporto de Altamira por volta das 18 h desta terça-feira (30). Com essa viagem, 16 líderes do movimento já foram identificados e transferidos de forma imediata para a capital paraense, após confronto no Centro Regional de Recuperação, ocorrido na segunda-feira (29).

Ainda no início desta noite, mais cinco detentos chegaram a Belém vindos de Altamira. São eles: Mauro Fernandes, Mateus Soares, José Albuquerque do Nascimento, Maciel de Deus Barroso e Dhon Leno Nunes Amaral.

Dos 16 chefes de facções, dez deles irão, posteriormente, para o regime federal e os demais serão redistribuídos nas penitenciárias estaduais. Outros 30 envolvidos já estão a caminho da capital paraense em um caminhão-cela, que saiu de Altamira, na tarde desta terça-feira (30).

Os trabalhos do Instituto Médico Legal (IML) no município foram interrompidos às 18h30, e retomados às 7h desta quarta-feira (31).

Já foram liberados 15 corpos das 57 vítimas. Eles foram identificados como Efraim Mota Ferreira, 22 anos; Luilson da Silva Sena, 35 anos; Wesley Marques Bezerra, 21 anos; Adriano Moreira de Lima, 21 anos; Ismael Souza Veiga, 37 anos; Carlos Reis Araújo, 23 anos; Jelvane de Sousa Lima, 35 anos; Josivan Irineu Gomes, 25 anos, Marcos Saboia de Lima, 28 anos; Rivaldo Lobo dos Santos, 20 anos; Josivan Jesus Lima; Evair Oliveira Brito; Deiwson Mendes Correa; Natanael Silva do Nascimento e Renan da Silva Souza.

Para agilizar o trabalho de identificação das vítimas, o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves enviou a Altamira, na tarde desta terça-feira (30), peritos odontologistas forenses e uma equipe de peritos criminais do Laboratório de Genética Forense, do Instituto de Criminalística de Belém, para realização de exames de DNA.

Força-tarefa – A pedido do governador Helder Barbalho, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, já autorizou o envio ao Pará de dez homens da Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária, que devem chegar a Belém nesta quarta-feira (31), por volta das 16 h.

O objetivo da Força-Tarefa em território paraense é atuar em atividades de guarda, vigilância e custódia de presos, com apoio dos sistemas Penitenciário e de Segurança Pública do Estado. Integram a Força-Tarefa agentes federais de execução penal.