Deve iniciar nesta segunda-feira a operação de iniciativa privada no aeroporto de Belém

A partir desta segunda-feira (04), a iniciativa privada deve assumir a operação do Aeroporto Internacional de Belém. A informação foi repassada à reportagem do Grupo Liberal pelo consórcio Novo Norte.

Esta é a empresa que arrematou o empreendimento durante leilão realizado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) em agosto de 2022. A empresa terá o direito de administrar o local por 30 anos. A Novo Norte é formada pela Socicam e Dix Empreendimentos.

Além do aeroporto de Belém, elas têm direito de operar no de Macapá. Ambos os empreendimentos foram arrematados por R$125 milhões, um aumento de 119,78% em relação ao valor inicial proposto no leilão, de R$ 56,8 milhões e fazem parte do Bloco Norte II, concedidos à iniciativa privada durante a sétima rodada de concessões.

Foto: Pedro Guerreiro – Agência Pará