Cai no Pará o licenciamento irregular de veículos

De acordo com dados do Departamento de Trânsito do Estado (Detran), em um ano, ou seja, de março de 2023 a março deste ano, a adimplência do licenciamento aumentou em 11,34%. Por outro lado, mesmo com a irregularidade de apenas 1,68%, mais de 50% dos veículos registrados no Pará continuam circulando o licenciamento vencido.

Em março do ano passado, a frota paraense era de 2.509.800. Um ano depois houve um aumentou, totalizando 2.662.041. Mesmo com a frota em ascensão, a inadimplência caiu de 54,62% para 52,37%. 

Nos últimos cinco anos, o Detran, órgão responsável pela arrecadação do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), adotou diversas medidas para facilitar o pagamento do tributo.

Além de ampliar a capacidade de atendimento diário na sede do órgão, em Belém, o Departamento passou a disponibilizar equipes fixas de veículos nos postos de fiscalização de Benevides, na PA-391, que liga Belém ao Distrito de Mosqueiro, e na PA-241, em Salinópolis, nordeste paraense.

Em períodos de maior movimentação, como os meses de julho, dezembro e fevereiro, as equipes de servidores são reforçadas nessas localidades para garantir o atendimento necessário para quem está quiser se regularizar. 

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará