Home Notícias Corporativas Empreendedorismo Feminino: mulheres dominam a venda direta

Empreendedorismo Feminino: mulheres dominam a venda direta

Empreendedorismo Feminino: mulheres dominam a venda direta

O Brasil possui 93 milhões de pessoas envolvidas com empreendedorismo, de acordo com o Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2022, levantamento realizado pelo Sebrae e pela Associação Nacional de Estudos em Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas (Anegepe). Autonomia tem sido um dos atributos mais considerados na escolha de seguir esse caminho, levando muitos para o marketing multinível, que atrai especialmente mulheres. Neste Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino, celebrado em 19 de novembro, a liderança feminina mostra sua força de trabalho, constituindo 60% da frente de vendas, entre os 3,5 milhões de empreendedores do setor que atuam como distribuidores diretos das empresas, seja em modelo de marketing multinível ou mononível, segundo informações da Federação Mundial das Associações de Vendas Diretas.

Sem as amarras de um estabelecimento fixo, alguns dos benefícios que se apresentam aos interessados em seguir pelo caminho do marketing multinível são a possibilidade de fazer seu próprio horário, a liberdade para gerir o negócio e a maior socialização por conta do constante contato com público. 

O segmento, que faturou R$ 45 bilhões em 2022, chamou a atenção de Mariane Angelino, distribuidora autorizada independente da Royal Prestige®, marca norte-americana de utensílios de cozinha premium. “Analisamos tanto o histórico da companhia quanto a possibilidade de ter ganhos significativos em pouco tempo.”, contou a empreendedora que atua no Sudeste e é uma das 10.300 distribuidoras mundiais da marca. 

Entre elas também está Gabriela Silveira, de Brasília, que enxergou no marketing multinível uma oportunidade de se unir a uma rede de mulheres que se apoiam e se ajudam mutuamente. “A dinâmica de negócio dá igual condição de crescimento e ascensão às mulheres, e favorece que juntas elas sejam protagonistas na construção de um empreendimento sólido que traz segurança e liberdade, algo que todas as mulheres buscam e merecem.”, destaca Gabriela, que é uma das maiores distribuidoras da companhia no Brasil.

Também empreendendo com produtos da Royal Prestige®, Monica Gabrielli, de Maringá, no Paraná, conta que viu na venda direta a oportunidade de realizar o sonho de ter o próprio negócio. “Via as pessoas realizando sonhos, viagens e eu já estava com poucas esperanças de realizar os meus. Hoje minha autoestima e independência nunca foram tão evidentes. Me sinto empoderada como mulher de ser responsável por grande parte da nossa renda familiar.”, celebra a distribuidora.